Destinação da Justiça do Trabalho e MPT garante 15 novos leitos no Hospital Regional de Colíder

Foto: Divulgação

O Hospital Regional de Colíder contará com 15 novos leitos, dos quais oito de UTIs, para fazer frente ao aumento da demanda de internações decorrentes da pandemia do novo coronavírus. A compra é resultado da liberação de aproximadamente 143 mil reais oriundos de conta judicial vinculada a uma ação coletiva em trâmite na Vara do Trabalho da cidade.

A destinação dos valores foi aprovada pelo Comitê Multi-institucional de Colíder, que reúne representantes da Justiça do Trabalho e do Ministério Público do Trabalho (MPT), além de outros órgãos. O Comitê tem a função de deliberar sobre a aplicação de valores obtidos a partir de pagamentos de condenações por dano coletivo resultantes do descumprimento da legislação trabalhista.

O dinheiro foi transferido esta semana por determinação da juíza Graziele Cabral de Lima, titular da Vara do Trabalho de Colíder, diretamente às empresas fornecedoras dos equipamentos. O repasse ocorreu após a apresentação, por parte do Hospital Regional, das notas fiscais e dos outros documentos exigidos pela magistrada.

Dentre eles, o termo de compromisso assinado pela entidade, por meio do qual se obrigou a apresentar a prestação de contas no prazo de 30 dias do recebimento dos bens e fotografias comprovando a utilização dos recursos exclusivamente na execução do projeto aprovado.

Destinações

Este foi o oitavo repasse que a Justiça do Trabalho e o MPT fizeram nas últimas três semanas para auxiliar no combate ao coronavírus em cidades mato-grossenses. Assim como Colíder, já foram contempladas entidades nos municípios de Juína, Juara, Rondonópolis, Pontes e Lacerda e Cuiabá.

As destinações, que atualmente somam 6,2 milhões de reais, estão em consonância com recomendações publicadas no fim de março pela Corregedoria do Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso (TRT/MT) e pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). Ambos os documentos orientam para que valores disponíveis para a promoção de ações afirmativas sejam liberados prioritariamente para medidas de combate à covid-19.

Fonte: https://www.noticiaexata.com.br/artigo/destinacao-da-justica-do-trabalho-e-mpt-garante-15-novos-leitos-no-hospital-regional-de-colider

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Policiais penais impedem tentativa de fuga na Cadeia Pública de Diamantino

sex abr 17 , 2020
A ocorrência foi registrada na noite desta quinta-feira, quando presos utilizaram chuços para perfurar a parede Policiais penais frustraram uma tentativa de fuga de 27 presos da Cadeia Pública de Diamantino (183 km de Cuiabá). A ocorrência foi registrada por volta das 20h desta quinta-feira (16.04), quando os servidores escutaram […]