Google remove 17 aplicativos da Play Store após denúncia apontar presença do vírus ‘Joker’

Programas acumularam 120 mil downloads, de acordo com dados da loja. Aplicativos devem ser removidos automaticamente dos aparelhos.

Via G1/MT

Ícones dos apps removidos da Play Store após análise da Zscaler — Foto: Zscaler/Reprodução

Google removeu 17 aplicativos da loja Play Store que estavam contaminados com um vírus para Android conhecido como “Joker”. De acordo com a empresa de segurança Zscaler, que disse ter realizado a denúncia ao Google e publicou uma análise dos apps, os programas conseguiram obter 120 mil downloads.

O vírus Joker, que estava presente nos aplicativos, é conhecido desde 2017. Ele realiza fraudes de pagamentos, seja nos próprios aplicativos – com assinaturas irregulares – ou por meio de compras realizadas por meio de SMS. O vírus também captura mensagens de SMS e a lista de contatos.

Os programas maliciosos foram cadastrados na loja oficial do Android com a promessa de realizar funções como digitalizar e converter documentos para PDF, traduzir texto, enviar mensagens seguras e editar fotografias.

Caso algum dos 17 apps maliciosos tenha sido instalado, ele deve ser automaticamente removido do aparelho pelo Google Play Protect. Esse sistema de segurança faz parte da Play Store e analisa todos os programas instalados e baixados no aparelho.

O Play Protect faz análises periódicas no aparelho. Para iniciar uma análise manual, abre o app da Play Store e procure a opção “Play Protect” no menu.

Como o Joker se ‘esconde’

Em janeiro, o Google revelou que já removeu mais de 1.700 aplicativos contendo o Joker (que a empresa chama de “Bread”) desde a sua descoberta em 2017. Em julho e agosto, outros 17 aplicativos com o Joker foram identificados pelas empresas de segurança Check Point e Pradeo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Massa de ar seco e quente deve ficar até semana que vem em MT

ter set 29 , 2020
Possibilidade de chuva está afastada, diz Meteorologia Via Agencia Brasil* A massa de ar seco e quente que está sobre o interior do Brasil deve permanecer até a próxima semana, elevando as temperaturas e afastando as possibilidades de chuva, em especial nas regiões Centro-Oeste e Sudeste.  A previsão do Instituto […]