Matupá (MT) vê exportações despencarem e não deve repetir bons resultados de 2019

A grande responsável pela queda é a soja, que vendeu U$ 237 milhões, ou 64%, a menos do que o período passado.

Via Olhar Cidade

Imagem: Reprodução

O município de Matupá (MT) não vai repetir o ano passado, quando terminou em 10º lugar no ranking estadual dos exportadores elaborado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) com U$ 464 milhões em vendas e respondendo por 2,9% de tudo que Mato Grosso enviou para o mercado externo. De janeiro a novembro deste ano (último balanço do MDIC), as vendas caíram quase 47% na comparação com o mesmo período e estão em U$ 237 milhões, derrubando a cidade para a 18ª colocação com 1,6% das exportações estaduais.

A grande responsável pela queda é a soja, que vendeu U$ 237 milhões, ou 64%, a menos do que o período passado. Mesmo assim, a oleaginosa é o produto mais exportado pelos matupaenses, com 56% do mercado. O milho teve leve queda de 2,4% e tem participação de 22%. A carne foi a única que aumentou as vendas em 145% e injetou U$ 30 milhões a mais no mercado local do que no período passado. Juntando carne e derivados, também tem 22% do mercado.

Também para os produtores de Matupá, a China é o principal cliente e destino de 32% da exportação. Mas, como vende bastante carne, a Europa também é um destino dos produtos locais e a Espanha tem 21% do mercado, seguida da Turquia com 8,2%, da Itália com 4,2% e de Portugal com 3,7%.

Fonte: Só Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Nova barra de tarefas do Microsoft Edge vai facilitar o uso de Coleções

seg dez 28 , 2020
Via Canaltech A Microsoft não para de aprimorar o Edge, seu próprio navegador que, recentemente, passou a ser construído com base no Chromium (projeto de código-aberto do qual deriva também o Chrome, da Google). De acordo com informações privilegiadas do Windows Latest, o browser receberá, em breve, um novo menu para você acessar […]