Nova barra de tarefas do Microsoft Edge vai facilitar o uso de Coleções

Via Canaltech

Imagem: Reprodução/Windows Latest

Microsoft não para de aprimorar o Edge, seu próprio navegador que, recentemente, passou a ser construído com base no Chromium (projeto de código-aberto do qual deriva também o Chrome, da Google). De acordo com informações privilegiadas do Windows Latest, o browser receberá, em breve, um novo menu para você acessar suas Coleções, tornando mais fácil e ágil o uso dessa ferramenta que é um dos diferenciais do software.

Segundo o site, ao clicar no botão Coleções, o menu será aberto como um pop-up flutuante, e não em uma guia separada — exatamente como acontece atualmente nos Favoritos e no Histórico. Dessa forma, o usuário “economiza” alguns cliques na hora de navegar pelos conteúdos salvos ou para guardar algum material bacana da web em uma de suas pastas que compõem a biblioteca. Uma mudança pequena, mas significativa.

O Windows Latest afirma ainda que o novo menu já está sendo testado com membros selecionados do programa Insider, que recruta internautas para experimentarem novas funcionalidades que estão em desenvolvimento. O update deve ser disponibilizado nos canais Dev e Canary (também instáveis) já em janeiro; possivelmente, o usuário comum só verá a mudança a partir de fevereiro de 2021.

Embora, de início, o Edge tenha sido considerado um fiasco pela sua baixíssima adoção enquanto substituto do Internet Explorer, o navegador vem ganhando uma legião respeitável de fãs desde que foi refeito do zero com base no núcleo Chromium. A mudança radical permitiu que o browser se tornasse mais ágil, além de aumentar sua biblioteca de extensões (já que, naturalmente, as extensões do Google Chrome também funcionam nele).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Hospital Regional de Sinop (MT) está com 100% de ocupação nas UTIs para covid-19

seg dez 28 , 2020
Via Só Noticias O boletim epidemiológico divulgado, ontem no início da noite, pela secretaria estadual de Saúde detalhou que o Hospital Regional de Sinop não tem mais vagas para internações em Unidades de Terapia Intensiva exclusivas para Coronavírus e o índice chegou a 100%. Todas os 19 leitos pactuados estão […]