Polícia alerta sobre mensagens falsas de suposto benefício

PJC-MT

Polícia Civil de Mato Grosso faz novo alerta à população sobre fake news. Desta vez, os policiais pontuam sobre mensagens que estão circulando em redes sociais, com um link (https://ae.formuIario.com). 

O link fake pede ao usuário que se cadastre para o desbloqueio e liberação de valores de auxílio emergencial, que será concedido a trabalhadores informais de baixa renda no período da pandemia da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

A concessão do benefício, que terá vigência determinada, será de acordo com critérios definidos na Lei aprovada nesta semana pelo Senado e que, ainda depende de aprovação da Presidência da República. Portanto, não há ainda nenhuma liberação do pagamento do auxílio emergencial.

A Gerência de Combate a Crimes de Alta Tecnologia (Gecat) explica que quem receber esse tipo de informação não deve acessar o endereço eletrônico, pois se trata de aparente golpe ou crime cibernético.

Semana passada a Gecat também fez alerta sobre fake news também abordando a pandemia do coronavírus. 

A Instituição vem atuando de forma intensa no combate e repressão a informações falsas, assim como comportamentos delitivos que possam causar prejuízos ou pânico a sociedade.

A Gecat reitera ainda que informações devem ser buscadas com órgãos oficiais.

Denúncias sobre divulgação falsa ou criminosa (áudio, mensagem ou vídeo) podem ser feitas pelo telefone (65) 99973-4429 ou enviadas ao e-mail: [email protected]

Fonte: https://www.gazetadigital.com.br/editorias/policia/polcia-alerta-sobre-mensagens-falsas-de-suposto-benefcio/612062

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Deputados aprovam projeto que dobra valor pago a famílias carentes de MT no Pró-Família

qui abr 2 , 2020
A Assembleia Legislativa aprovou em 1ª votação, nesta quarta-feira (1), durante sessão via teleconferência, o Projeto de Lei do deputado João Batista (Pros) que propõe o aumento de 100% do cartão Pró-Família, que distribui R$ 100 por mês às famílias cadastradas no serviço social do Governo do Estado. O aumento do […]