Professores de MT do cadastro de reserva tomam posse e se apresentam às assessorias pedagógicas

Os 342 professores atenderão as necessidades de 52 municípios

Via Assessoria Seduc/MT

A professora Erica realizou o sonho de ser uma profissional da educação efetivaFoto por: Divulgação

Ao menos 82 professores dos 342 que foram nomeados pelo Governo do Estado este mês já tomaram posse na Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) e outros 50 foram empossados na sexta-feira (18.12). Eles terão curso de formação entre 11 e 15 de janeiro.

Os candidatos apresentaram o laudo pericial que os conduz a serem aptos ao cargo de professor. Além do laudo, os candidatos exibiram documentos pessoais conforme a Instrução Normativa 03/2013. Em seguida, o candidato recebe o termo de posse e com esse documento, o empossado se apresenta na Assessoria Pedagógica do município para qual realizou o concurso.

Segundo a gerente de Recrutamento de Seleção da Seplag, Adriana Aparecida de Queiroz Rezende, os novos empossados agendaram a perícia médica em Cuiabá e em Sinop e a maioria que apresentou o laudo é da Capital e cidades próximas.

“Todo esse trabalho foi realizado de forma tranquila. Muitos candidatos são de fora do Estado, mas obtiveram todas as informações para que realizassem o agendamento com a perícia médica. A quantidade de professores empossados é conforme a liberação dos laudos periciais”, salienta.

O secretário de Educação, Alan Porto, dá boas vindas a todos os professores. “É um ato muito importante e demonstra o nosso compromisso com os servidores da educação e também com toda a comunidade escolar, que precisa dos melhores profissionais em sala de aula”, diz.

Professora de História

Entre os novos que tomaram posse está a professora de História Erica Gunthen da Silva Lopes, que foi chamada para o município de Alto Paraguai (a 218 quilômetros a médio-norte da Capital), para o qual fez o concurso em 2017.

Erica conta que os três anos de espera não foram em vão. Primeira da lista de espera, a professora já atuava com aulas de História em Alto Paraguai, onde está contratada como temporária.

Ela está muito contente. Assim que recebeu o documento de encaminhamento nesta sexta-feira (18.12), a professora se emocionou muito.

“Enquanto o pessoal fazia a verificação dos documentos, eu estava nervosa. Depois da posse, com o documento de encaminhamento na mão, eu chorei. Meu sonho de ser efetiva foi realizado. Há três anos esperava ser chamada. Esse dia chegou. Estou muito feliz, muito feliz mesmo”, comemora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Aprosoja-MT empossa novo presidente e corpo da diretoria para o ciclo 2020/2023

dom dez 20 , 2020
Em seu discurso, o presidente empossado Fernando Cadore destacou os desafios em assumir uma entidade tão robusta e uma das mais importantes do Brasil Via Canal Rural Fernando Cadore tomou posse na sexta-feira, dia 18, em Cuiabá (MT), como novo presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato […]