Cacique Raoni apresenta arritmia leve e continua internado com Covid-19 em MT

Conforme o boletim médico, o cacique amanheceu em bom estado geral, mas permanecerá internado em observação, em leito de isolamento, sem previsão de alta.

Via G1/MT

O líder indígena Cacique Raoni, da tribo Kayapo — Foto: Ricardo Moraes/Reuters

Internado com pneumonia e Covid-19, o cacique Raoni Metuktire, de 89 anos, líder da etnia Kayapó, apresentou quadro leve de arritmia. Ele está em um hospital de Sinop, a 503 km de Cuiabá, desde sexta-feira (28) e passará por novos exames. Raoni é conhecido internacionalmente pela defesa dos direitos dos povos indígenas.

De acordo com o boletim médico de ontem (1º), ele tem uma arritmia leve e comum entre pessoas da idade. Segundo os médicos, o caso não é grave e está sendo tratado e monitorado pela equipe cardiológica.

Na segunda-feira (31), o líder indígena relatou leve dor no peito e exames preliminares demonstraram quadro suspeito de miocardite, estável e sem piora no estado de saúde.

Durante a madrugada do dia 1°, ele relatou também um desconforto respiratório e respira com a ajuda de aparelhos.

Conforme o boletim médico, o cacique amanheceu em bom estado geral, mas permanecerá internado em observação, em leito de isolamento, sem previsão de alta.

Novos exames serão feitos no decorrer do dia e um novo boletim médico deve sair na quarta-feira (2), às 11h.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Corpo de Bombeiros de Colíder (MT) foi acionados para combater incêndio próximo a Itaúba

qua set 2 , 2020
Alguns metros cúbicos de madeira, pertencentes a Usina Hidrelétrica de Sinop, foram queimados pelo incêndio. Por Claudemir G. de Lima O Corpo de Bombeiros de Colíder (MT) foi acionado ontem (1º) para combater um incêndio nas proximidades de uma graxaria no município de Itaúba (MT). Ninguém soube dizer como o […]