Com crescimento de casos de covid-19 em Colíder (MT); novo decreto poderá normatizar funcionamento de bares

com Assessoria*

Foto: Arquivo Altonorte

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde e o Hospital Regional de Colider (MT), apesar de todo o esforço, o número de casos positivos para covid-19 apresenta crescimento acelerado no município. Conforme o boletim informativo publicado ontem na quarta-feira (17.06)), os casos positivos já chegam a 60, sendo 26 recuperados, um internado, 31 pacientes em isolamento domiciliar e dois óbitos. A evolução é de 21 casos em comparação com os 37 casos anunciados no inicio da semana.

O prefeito municipal de Colider (MT) Noboru Tomiyoshi anuncia que editará nos próximos dias um novo decreto para regulamentar o funcionamento de bares e restaurantes. Também alerta que o combate contra a disseminação da covid-19 também deve ser uma responsabilidade dos moradores de Colíder. “Juntos, nós devemos trabalhar para prevenir para que as pessoas não se contaminem”, destaca o gestor, acrescentando que a Secretaria de Saúde não mede esforços para atuar contra o vírus e cuidar das pessoas.

No entanto, todo o esforço realizado pelo governo municipal e as equipes profissionais do Hospital Regional e da Secretária Municipal de Saúde esbarra na falta de cuidados de uma parcela considerável da população. “Queremos que os moradores de Colíder se conscientizem. Existem coisas desnecessárias. As aglomerações devem ser evitadas. A utilização da máscara e a higiene das mãos devem fazer parte do nosso cotidiano a partir de agora. A prevenção contra o vírus é uma responsabilidade de todos”, afirma o prefeito.

Por Sérgio Ober

*matéria ampliada por Claudemir Lima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

TJ manda estado nomear peritos e médicos legistas para município de Juara (MT)

qui jun 18 , 2020
Documentos evidenciam que famílias, uma vez que, por ocasião da perda de entes queridos, ainda tem de lidar com o transtorno de ter que se deslocar até o município de Juína, que fica a uma distância de quase 200 km, para a realização da autópsia. Via G1 MT A Justiça […]