Confira a entrevista de hoje (29) com Nilson Leitão, candidato ao senado federal, na Top FM

A mediação da entrevista é realizada pelos jornalistas Claudemir Lima e Juliana Mani dentro do programa Top Cidades da Top FM.

Por Claudemir Lima e Juliana Mani

Nilson Leitão foi o entrevistado da Top FM no Assunto do Dia – Foto: Altonorte

Nilson Leitão (PSDB), candidato ao senado federal, foi o entrevistado desta quinta-feira (29) na Top FM, às 10h15min.

As entrevistas com os candidatos fazem parte de uma agenda para ouvir as principais propostas dos postulantes ao senado federal por Mato Grosso. É uma realização do Portal Altonorte e Top FM com o gerenciamento de Mauro Batista, diretor do Grupo Alvim de Comunicação.

Nilson Leitão tem a experiencia de ter passado pelos poderes do legislativo e executivo nas esferas municipal, estadual e federal. Foi vereador e prefeito em dois mandatos em Sinop (MT), deputado estadual em 1999 e deputado federal em dois mandatos, de 2011 a 2019.

Com um tempo de 15 minutos e por telefone, Nilson Leitão respondeu as perguntas feitas pelo portal Altonorte, através da mediação dos jornalistas Claudemir Lima e Juliana Mani dentro do programa Top Cidades do apresentador/locutor Junior Beck e do comentarista político Jorge de Paula.

As regras são passadas de antemão aos entrevistados e também lidas no início, ao vivo, para manter a isonomia com os demais. O tempo para cada resposta é cronometrado.

Confira abaixo a entrevista completa com o candidato ao senado federal Nilson Leitão:

Entrevista realizada pelo Portal Altonorte dentro do Programa Top Cidades no quadro Assunto do Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

América Latina: 77 milhões de pessoas do campo têm acesso ruim à internet

qui out 29 , 2020
Ainda de acordo com pesquisa internacional, 46 milhões de pessoas da zona rural desse bloco nem sequer têm conexão Via Canal Rural A recessão causada pela pandemia da Covid-19 está provocando aumento no número de pessoas abaixo da linha de pobreza e em extrema pobreza na América Latina e no […]