Eleição suplementar para senador em MT está definido para 15 de novembro

Novo pleito será realizado no dia 15 de novembro

Por Altonorte

Presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso-Foto: TSE

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, autorizou a realização de nova eleição para o preenchimento de uma vaga de senador pelo estado do Mato Grosso. O novo pleito será realizado no dia 15 de novembro, data do primeiro turno das eleições municipais, em função da cassação do mandato da ex-senadora Juíza Selma Arruda (Podemos-MT). 

Em abril, a Mesa Diretora do Senado declarou a perda do mandato em cumprimento à decisão do TSE, que cassou Selma Arruda por caixa 2 e abuso de poder econômico na campanha eleitoral de 2018. 

A vaga é ocupada temporariamente por Carlos Fávaro (PSD), terceiro colocado na disputa, que ganhou no Supremo Tribunal Federal (STF)  o direito de ocupar a cadeira até que nova eleição seja realizada. O pleito suplementar estava marcado para abril, mas foi adiado pela Justiça Eleitoral do estado devido à pandemia da covid-19. Em seguida, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) pediu ao TSE autorização para fazer a eleição simultaneamente com o pleito municipal. 

Além de Carlos Fávaro, Jayme Campos (DEM) e Wellington Fagundes (PL) também são senadores pelo Mato Grosso. 

Fonte: Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Dia do Soldado (25): parabenizamos homens e mulheres que dedicam amor à Pátria

ter ago 25 , 2020
Via Portal Mundo Educação/Uol No dia 25 de agosto comemora-se o dia do soldado. A escolha da data foi em homenagem ao aniversário de Duque de Caxias, Luis Alves de Lima e Silva, que se tornou patrono do exército brasileiro. Soldados são pessoas que se alistam para prestar serviços na […]