Investigado por homicídio encomendado por facção criminosa é preso pela Polícia Civil em Peixoto de Azevedo (MT)

O crime ocorreu em setembro de 2021 em frente a uma casa de forró em Peixoto de Azevedo; a vítima foi morta pelas costas

Via Assessoria PJCMT

Foto por: PC-MT

A Polícia Civil em Peixoto de Azevedo prendeu nesta segunda-feira (16.05) um homem investigado por cometer um homicídio, por encomenda, em razão de uma dívida no valor de R$ 3.000,00 com uma facção criminosa, no norte de Mato Grosso.

O homicídio ocorreu em 11 de setembro do ano passado. A vítima, Francisco Chagas dos Santos Silva Júnior, de 35 anos, foi morta na frente de uma casa de forró, no bairro Mãe de Deus. Ele foi atingido pelas costas e na região da nuca por disparos de arma de fogo de calibre .38 e morreu ainda no local.

O crime teria sido encomendado para quitar uma dívida que o suspeito tinha com a facção criminosa.

O mandado de prisão foi cumprido na divisa dos municípios de Peixoto de Azevedo e Matupá, depois do autor ficar foragido por cinco meses.

O delegado Geordan Fontenele explica que as investigações prosseguem para coletar mais informações e chegar à prisão de outros envolvidos no homicídio.

Após a formalização do mandado de prisão, o autor do homicídio será encaminhado à unidade prisional do município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

STF cria ferramenta para classificar processos em diretrizes da ONU

seg maio 16 , 2022
Objetivos e metas fazem parte da Agenda 2030 das Nações Unidas Via Agencia Brasil O Supremo Tribunal Federal (STF) apresentou nesta segunda-feira (16) uma ferramenta de inteligência artificial para classificar os processos na Corte conforme as diretrizes dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU). Os ODS são […]