Junho Vermelho incentiva a doação de sangue em meio à pandemia

Via Agencia Senado

Pessoa doando sangue. Foto: Google Imagens

Começou o Junho Vermelho – uma campanha nacional para incentivar a doação de sangue.

Menos de 2% da população brasileira é doadora, quando a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) é entre 3% e 5% para que um país tenha um estoque seguro.

E, com a pandemia de covid-19, os bancos de sangue tiveram redução significativa nos estoques.

Para incentivar a doação, um projeto de lei de iniciativa popular e apresentado pelo senador Irajá (PSD-TO) prevê atendimento prioritário em repartições a doadores de sangue e de medula óssea (PL 1.855/2020) – como já acontece com idosos, gestantes e pessoas com deficiência.

Reportagem, Iara Farias Borges (Agencia Senado)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Disseminação do coronavírus na Amazônia faz morte de índios disparar no Brasil

qui jun 4 , 2020
 O coronavírus está se disseminando rapidamente entre as populações indígenas do Brasil, e as mortes causadas pela doença aumentaram mais de cinco vezes no último mês, de acordo com dados coletados por uma associação nacional de povos indígenas. Via Agencia Reuters Muitos epidemiologistas tinham esperança de que locais remotos pudessem […]