MP instaura inquérito para apurar denúncias referentes ao Hospital Regional de Colíder (MT)

Via Nortão Online

Promotoria do Ministério Publico em Colíder (MT) – Foto: Claudemir Lima

O promotor de Justiça da Comarca de Colíder, Danilo Cardoso Lima, baixou uma portaria informando a instauração de inquérito civil para apurar informações referentes ao hospital regional do município, após as denúncias que foram à público nesta semana.

O inquérito vai promover a coleta de informações, depoimentos, certidões, perícias e demais diligências para investigar e adotar providências quanto a falta de leitos de UTI para atendimento exclusivo de pacientes contaminados com COVID-19 no Hospital Regional de Colíder.

Também pretende apurar a carência de medicamentos e insumos em geral, e a falta de profissionais para atendimento aos pacientes com coronavírus no hospital.

O governo do Estado é requerido no inquérito para esclarecer todos os questionamentos do MP sobre o hospital regional. Uma das questões a serem apuradas é a quantidade de pacientes que vieram a óbito no HRCOL por ausência de leitos de UTI exclusivos para atendimento ao coronavírus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Bolsonaro promete anúncio de novo ministro da Educação hoje

sex jul 10 , 2020
Presidente falou em uma pessoa “conciliadora” para o cargo Via Agencia Brasil O presidente Jair Bolsonaro deve anunciar o novo ministro da Educação hoje nesta sexta-feira (10). O cargo está vago desde a semana passada, quando a nomeação de Carlos Alberto Decotelli foi revogada, sem que ele tivesse tomado posse, depois […]