Sebrae promove encontro estadual de prefeitos e secretários de MT e MS do programa”Cidade Empreendedora”

Com a duração de 15 meses, o “Cidade Empreendedora” é executado em 22 municípios de Mato Grosso do Sul e em 28 de Mato Grosso.

Por Claudemir Lima

Via Assessoria

Na última segunda-feira (4), o Sebrae, nos estados de Mato Grosso do Sul e Mato Grosso promoveu o encontro estadual de prefeitos e secretários de desenvolvimento que atuam nos municípios que integram o programa “Cidade Empreendedora” nas duas unidades da federação.

Realizado em Bonito (MS), o evento fechado teve como tema central “Conectar para transformar” e contou com uma ampla programação voltada para trabalhar a liderança dos gestores públicos, promover boas práticas e apresentar iniciativas inovadoras, capazes de impulsionar o crescimento das cidades e melhorar a qualidade de vida da população. 

Por meio de videoconferência a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, participou do evento e ressaltou a importância do trabalho desenvolvido pelo programa Cidade Empreendedora e do conteúdo apresentado durante o encontro. “Falar sobre gestão e aplicá-la é algo que faz a diferença, além disso, o Cidade Empreendedora permite que os prefeitos tenham os municípios na mão. Estamos passando por um momento difícil, de inflação e crise energética, e há uma série de desafios que precisam ser enfrentadas pelos gestores municipais, e com conhecimento e gestão é possível fazer a diferença”, comentou a ministra. 

Com a duração de 15 meses, o “Cidade Empreendedora” é executado em 22 municípios de Mato Grosso do Sul e em 28 de Mato Grosso. Por meio do programa, são realizadas várias iniciativas que ajudam a transformar a economia e alavancar o desenvolvimento local, a partir do fortalecimento dos pequenos negócios. Feito em parceria com as lideranças e com a população, o plano de desenvolvimento econômico é uma das entregas do “Cidade Empreendedora” e elenca as ações prioritárias para promover melhorias em cada município. 

Nesse contexto, os prefeitos e secretários desempenham um papel importante para que essas iniciativas sejam executadas junto com a comunidade e auxiliem no crescimento da cidade. De acordo com o presidente do Conselho Deliberativo Estadual (CDE) do Sebrae/MS e titular da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), Jaime Verruck, o encontro vem para tratar da importância da liderança pública no processo de desenvolvimento do município e do Estado como um todo. 

“O principal objetivo é promover a formação de lideranças. Sabemos que o desenvolvimento tem que ser sustentável – equilibrado em termos de gestão e de atendimento à sociedade, mas, principalmente, em informação. Os nossos prefeitos são os grandes líderes desse processo para que implantem as mudanças na base municipal e atendam as pessoas e os pequenos negócios, que têm um papel muito importante para os municípios. Em todos eles mais de 80% das atividades estão baseadas nas pequenas empresas, então é importante melhorar o ambiente de negócios, aderir a lei da liberdade econômica, compreender a capacidade de transformação e geração de emprego dessas pequenas empresas, para isso, nós precisamos de líderes focados, com conhecimento e replicando boas práticas. A ideia é desenvolver o Centro-Oeste de maneira conjunta, equilibrada e sustentável”, pontuou Jaime. 

Segundo o diretor-superintendente do Sebrae/MS, Claudio Mendonça, o encontro também tem um papel importante para a promoção de boas práticas e networking. “Pensamos no evento com a proposta de oferecer aos prefeitos e secretários de MS e MT a oportunidade de conversarem entre si e trocarem experiências. Assim eles podem conhecer novas estratégias para aplicarem nos municípios, criarem uma rede de pessoas que possam pensar o desenvolvimento por meio da inclusão produtiva, da inclusão do pequeno negócio, tornando o ambiente favorável para que ele possa exercer as suas atividades e promover o desenvolvimento”, ressaltou Mendonça. 

O diretor-superintendente do Sebrae/MT, José Guilherme Barbosa Ribeiro, destacou a relevância do trabalho em conjunto feito pelo Sebrae nos dois Estados, principalmente, pelas particularidades que possuem em comum. “As duas Unidades da Federação têm várias atividades econômicas semelhantes e, evidentemente, também possuem públicos que atuam nessas atividades e são voltados para exportação, por outro lado, temos um bioma comum que é o Pantanal.  Por conta dessas semelhanças é mais do que natural que a gente junte os nossos esforços, tanto das equipes técnicas do Sebrae, quanto dos prefeitos, para que nós tenhamos as soluções mais plausíveis para as realidades locais”, expôs José Guilherme. 

No âmbito de Mato Grosso do Sul, o conselheiro do Sebrae/MS e Secretário de Estado de Infraestrutura, Eduardo Riedel, reiterou a relevância do encontro para a formação de lideranças e promoção do desenvolvimento. “O Sebrae oportuniza a esses prefeitos conhecerem um pouco mais a respeito de gestão, do número do seu município e o que pensa a sociedade. O governo adota a filosofia do municipalismo, ou seja, o Estado apoia muito a iniciativa com os municípios por entender que o município crescendo o estado vai crescer junto com ele e esse programa Cidade Empreendedora é um dos grandes instrumentos que a gente tem para o desenvolvimento municipal. Então que a gente saia daqui, com mais conhecimento, com mais motivação, com mais liderança em torno dos propósitos de cada município”, enfatizou Riedel. 

Estiveram presentes no evento o gerente da Unidade de Desenvolvimento Territorial do Sebrae Nacional, Derly Cunha Fialho; a diretora-técnica do Sebrae/MS, Maristela França; e o conselheiro do CDE do Sebrae/MS e presidente do Sistema Famasul, Marcelo Bertoni. 

Palestras e painéis

Durante todo o dia, o Encontro Estadual de Prefeitos e Secretários de Desenvolvimento promoveu dois painéis e onze palestras.  Na segunda-feira (4), o cronograma foi aberto por um painel que teve como tema central “Desenvolvimento sustentável, nova economia e suas perspectivas”. Entre os palestrantes esteve Jaime Verruck que expôs a agenda de desenvolvimento para o Estado de Mato Grosso do Sul. 

Além dele, também participou do painel, Eduardo Riedel com a abordagem do tema “Gestão pública para resultados e eficiência de recursos”; e o procurador-geral adjunto de justiça institucional do Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul (MPE/MS), Paulo Roberto Gonçalves Ishikawa, com uma palestra sobre o papel do MPE para o desenvolvimento dos municípios. 

Também durante a manhã, foi realizado o segundo painel “Sonho compartilhado e a visão de futuro de um território” com a presença do empreendedor, case de sucesso, Geraldo Rufino, e do empresário Augusto Barbosa Mariano, presidente do Instituto de Desenvolvimento de Bonito. 

Já no período da tarde da segunda-feira (04), secretários e prefeitos se dividiram para participar de programações distintas que aconteceram de forma simultânea. Para os líderes do executivo, foram realizadas cinco palestras que abordaram temas como a transformação digital do desenvolvimento, a importância no Plano Plurianual para lidar com desafios, e de que maneira as equipes que atuam na administração pública podem ajudar a impulsionar o desenvolvimento. 

Os secretários participaram de quatro palestras voltadas para as áreas de sustentabilidade e inovação; que falaram também a respeito do papel da função que desempenham, além da apresentação de boas práticas. Uma delas foi ministrada pelo conselheiro do CDE do Sebrae/MS e secretário adjunto da Semagro, Ricardo Senna, que apresentou formas de utilizar as potencialidades do município para promover o desenvolvimento.

Por fim, no final da tarde de segunda-feira (04), os secretários e prefeitos se uniram novamente e participaram de duas palestras – uma apresentou estratégias para que os municípios consigam atrair novos investimentos e a outra teve a proposta de expor aos participantes boas práticas para impulsionar o ciclo virtuoso da economia por meio das compras públicas. No período da noite, o grupo participou de um momento de networking e troca de experiências.

 Mais informações sobre o programa “Cidade Empreendedora” podem ser obtidas por meio do número 0800 570 0800.

Fonte: Via Assessoria Sebrae e Ascom/Bandeirantes (MS)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Deputados pedem vista e votação da PEC dos Precatórios é adiada

sex out 8 , 2021
Relator apresentou substitutivo que também prevê teto para pagamentos Via Agencia Brasil O relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 23 de 2021 que trata do pagamento de precatórios, deputado Hugo Motta (Republicanos-PB), apresentou na quinta-feira (7) o relatório propondo um substitutivo para o pagamento dessas dívidas do governo. […]