Vítima aciona PM e conta que é violentada desde os 11 anos de idade pelo padrasto

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima, uma mulher, que estava na companhia da sua mãe, acionou a PM para denunciar que há 12 anos vem sendo abusada sexualmente pelo padrasto

Via Assessoria PMMT

Foto: PMMT

Policiais militares do 5º BPM de Rondonópolis (a 212 km de Cuiabá) prenderam na noite deste domingo (17.05), um homem por estupro e lesão corporal, no bairro Jardim Pioneiro.

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima, uma mulher, que estava na companhia da sua mãe, acionou a PM para denunciar que há 12 anos vem sendo abusada sexualmente pelo padrasto. Cansada, ela contou para familiares que a orientaram acionar os policiais.

A vítima ainda mostrou mensagens trocadas com o agressor, em que ele assume que a abusa desde os 11 anos de idade. A mãe da jovem, esposa do criminoso, acrescentou saber dos abusos e que também era agredida constantemente.

A jovem disse ter sido abusada durante a noite e o suspeito a teria deixado na casa de uma tia, antes de ir para um assentamento na gleba Dom Bosco.

Quando os militares chegaram à casa do denunciado, ele tentou fugir pulando muros e correndo para uma área de mata. Ele ainda tentou resistir com um pedaço de madeira, sendo necessário o uso de uma arma de energia conduzida e a sua imobilização.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Por Maricelle Lima Vieira | PMMT

Via Assessoria PMMT

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Tribunal de Justiça acata parcialmente pedidos do MPMT e suspende aulas na rede privada em Sorriso (MT)

seg maio 18 , 2020
Via Assessoria MPMT O Tribunal de Justiça deferiu parcialmente pedido de antecipação de tutela efetuado pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso e determinou a suspensão, até o dia 31 de maio, do decreto municipal de Sorriso que autorizou a reabertura dos estabelecimentos de ensino privados. A decisão foi […]